Smooch Girls

Fui morar com meu amigo em São Paulo e comer a mulher dele

Instintos

Meu marido Heitor fictício 35 anos branco, alto e forte. Sempre quando estamos fazendo amor, o meu marido fala que gostaria de ver eu com outro homem, confesso que gostava da ideia, mas nunca fomos além, mesmo isso me deixando bem excitada. Num certo dia, meu marido fala que o amigo dele que mora no interior, iria ficar alguns dias em casa, pois estava em alguns eventos na cidade, devido a trabalhar com venda. As chega meu marido com seu amigo, nos cumprimentamos e os dois foram para o andar de cima tomar banho antes da janta. Algumas vezes eu costumo acordar de madrugada para beber agua, esse foi um dos dias, e confesso que no momento nem me lembrei que havia visita em casa, desci com minha camisola e bebi a agua, quando estava voltando para a escada dou de cara com o Daniel, que também estava indo beber agua, nisso fiquei sem graça, pois como minha camisola é transparente, deu para ver meus seios e a calcinha que usava, e pude notar que ele ficou com o olhar nos meus seios fartos, desejei boa noite e subi.

Mulheres em 419062

SONHAR COM MARIDO O QUE SIGNIFICA ?

Pedro é separado e um tipo muito safado, que sabe cantar as mulheres de uma forma sutil e eficaz, de um jeito que mexe com a gente, e mexeu muito comigo. Contando tudo isso ao meu marido e sempre pedindo desculpa, ele pediu para esquecer o sentimento de erro e concentrar no relato, e me perguntou se na nossa ultima transa eu pensei no Carlos. A essas altura, ja estava bem solta em contar tudo ao maridinho, que ja acariciava o pau. O tempo totalidade, fechava os olhos para imaginar que era o Carlos me comendo aplicação. Fazendo aquela carinha de menina que esper Com o passar das semanas Pedro era cada dia mais ousado, suas cantadas eram quentes, e eu totalmente entregue, parecia uma adolescente apaixonada com todos os sintomas. Me pediu para colocar a lingerie que usei esitei, por que ainda nao tinha nen lavado roupa, ela ainda estava no sesto do banheiro, mas ele insistiu, quando voltei para o quarto vestida só com a lingerie que usei com Carlos. Meu corninho me puxa para cama e me faz deitar ao seu lado, e admirável sua putinha pergunta como foi a festa. Chegando no local da festejo só tinha olhos para o Carlos.

Minha amiga lésbica virgem

No meu caso isso aconteceu, pois nasci no seio de uma família tradicionalista quanto a esses conceitos. Minha infância e adolescência sempre foi muito vigiada e nunca tive liberdade, mas sempre achei isso normal, porque esse idade o meio que eu conhecia. Nasceu a nossa primeira filha e dois anos depois nosso filho. Até próprio para me procurar, eram raras as vezes que fazíamos amor. O tempo foi passando nessas mesmas condições e meus filhos crescendo. Comentei isso com meu marido e ele foi indiferente, exatamente como em muitas outras coisas que me diziam respeito. Desde que casei eu me anulei profissionalmente falando e agora nem imaginava o que poderia fazer. Certo dia conversando com a minha dentista ela falou que a sua assistente tinha pedido para sair e que ela precisava tentar por uma outra. Perguntei se precisava ter algum tipo de experiência e ela disse que preferencialmente nenhuma, pois sempre gostou de moldar suas assistentes na sua forma de trabalhar.